Bruxelas

O objetivo: evitar o “crescimento microbiano” e limitar o “risco de lixiviação de substâncias nocivas para a água potável”.